28 de jan de 2011

Visual Kei e Suas Subdivisões PT.1

Olá, sei que muitas pessoas tem dúvidas sobre o estilo Visual Kei, em alguns posts irei apresenta-los aos poucos, seja com fotos ou pv's, espero que ajude e que agrade.















Kotevi kei

Gênero interpretado e tido como um dos mais proeminentes, ao menos na década de 1990. Pensa-se que o nome foi dado como antônimo de “soft visual kei”. O kotevi kei tem tendência a dar mais ênfase à presença de palco do que a performance musical em si, sendo caracterizado pelo uso de roupas esplendorosas e vistosas.

As bandas atuam predominantemente na cena indie (independente), com poucos grupos atuando como major. A primeira fase de Dir en grey é um exemplo de kotevi kei que chegou a atuar como major. Dentro do kotevi kei podemos distinguir ainda o “kuro kei (grupo preto)” e o “shiro kei (grupo branco)”. O kuro kei é caracterizado pelo seu som pesado e obscuro e por suas composições mais rápidas, enquanto que o “shiro kei” é voltado para um som melodioso e composições “limpas”.
A banda responsável pela criação do shiro kei seria L'Arc~en~Ciel, que, no começo de sua carreira, costumava se apresentar com a cor branca em destaque em suas roupas. Além disso, L'Arc~en~Ciel tocava músicas com características dos sons visual kei, mas não tão pesadas e agressivas quanto os trabalhos de alguns de seus contemporâneos do mesmo movimento.




































Kurofuku kei


Segundo o nome, é um estilo cuja base é formada pelas roupas com elementos pretos. Refere-se a bandas do final da década de 1980 e da primeira metade da década de 1990, que possuíam um estilo mais obscuro, com possível referência ao gótico.
Não é comum usar o termo "kurofuku kei" para se referir às bandas que utilizavam roupas compostas por esmalte.
Ao se comparar com o kotevi kei, a maquiagem é pouca, e é comum usar maquiagens que dêem uma imagem mais obscura.















Soft visual kei
Conforme o nome, são bandas que utilizam como fundamento roupas pouco chamativas e maquiagem leve. É o estilo de visual que possui o maior número de fãs homens.
Surgiram com força no final da década de 1990, com diversas bandas atuando como major ou próximos disso, ao contrário do kotevi kei, que ganhava destaque na cena indie, na época.
O estilo teria entrado em "vias de extinção", juntamente com o kotevi kei, no início do novo século.


Nenhum comentário: